8 de set de 2009

Coisas minhas


Há coisas em mim que são só minhas...
Segredos meus...
Sentimentos,
Sensações,
Impressões...
Tudo muito meu!
Coisas que prefiro guardar...
Então calo,
Evito...
Para não dizer coisas
Que eu não deveria ter dito.
Mas do que adianta fechar a boca
E não comentar,
Se eu tenho mãos teimosas e loucas
Que insistem os meus segredos gritar?
Ah mãos inquietas e fofoqueiras!
Que fazem da caneta um mega-fone
E sempre me jogam na fogueira...

Um comentário:

  1. A sensibilidade do Poeta faz com que muitas vezes ele não consiga guardar alguns de seus segredos. Ao ler a gente se identifica, aprecia...mas não é sempre que conseguimos compreender o seu real seu ponto de vista...
    Beijos
    Carmen Lucia

    ResponderExcluir